Loratamed – Alívio dos sintomas da rinite alérgica


Apresentação

Loratamed comprimido – Caixa com 12 comprimidos

Loratamed xarope – Caixa com 1 frasco de xarope 100 ml

Uso adulto
Uso pediátrico com idade maior que 2 anos
Uso oral

Loratamed comprimido é composto por: Loratadina 10 mg
Excipientes: Dióxido de silício, Estearato de magnésio, Amido de milho, Croscarmelose sódica, Celulose microcristalina, Lactose q.s.p 1 comprimido

Loratamed xarope é composto por: Loratadina 5 mg
Veículo: Sacarina sódica, Ácido cítrico, Água deionizada, Ciclamato de sódio, Sorbitol, Propilparabeno, Glicerol, Propilenoglicol, Metilparabeno q.s.p 5 ml

Laboratório Cimedloratamed para que serve


Aparência

Loratamed comprimido: Comprimido redondo na cor branca

Loratamed xarope: Líquido em formato de xarope límpido com cor incolor amarelado levemente.

Loratamed – Para que serve?

Loratamed serve para trazer alívio a sintomas resultantes da rinite alérgica como olhos inchados, coceira nasal, espirros frequentes, coriza (secreção nasal) e ainda auxilia para algumas alergias da pele.

Contraindicações

Pacientes com sensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula de deste medicamento não devem fazer de Loratamed.
Pacientes com histórico de problemas no fígado precisam de orientação médica para fazer uso de deste medicamento.
Pacientes em período de gravidez precisam de avaliação médica para fazer uso desse medicamento.
Pacientes em período de amamentação não devem fazer uso de Loratamed devido a possível presença da substância no leite materno. Fale com seu médico.
Pacientes com histórico de insuficiência dos rins necessitam de orientação médica para fazer uso de Loratamed para ajustes da dose do medicamento.

Não se tem relato de potencialização de deste medicamento com o uso de bebidas com teor alcoólico.
Caso estiver fazendo exames para detectar tipos de alergia, informe ao médico se estiver fazendo tratamento com Loratamed, geralmente é necessário suspensão do uso dessa medicação alguns dias antes do exame, caso contrário os resultados laboratoriais podem ser afetados.

Sempre informe ao médico os tratamentos de saúde que já estão em andamento e os medicamentos que já faz uso para uma avaliação segura do tratamento a ser iniciado com Loratamed.

Crianças com idade menor que 2 anos não devem fazer uso Loratamed

Loratamed – Como usar?

É recomendado para crianças com idade maior que 12 anos e adultos: 10,0 ml de Loratamed xarope ou comprimido 1 vez por dia.

Para pacientes com peso menor que 30 kg é recomendado 5,0 ml de Loratamed xarope 1 vez por dia.

Para pacientes com peso maior que 30 kg é recomendado 1 comprimido ou 10,0 ml de xarope 1 vez por dia.

Se houver esquecimento de alguma das doses no horário prescrito pelo médico, não duplique a dose apenas siga com os próximos horários. Se tiver dúvidas fale com farmacêutico.

Reações adversas

Durante o tratamento com Loratamed pode haver alguns sintomas desconfortáveis que incluem:

  • Canseira
  • Mal estar estomacal
  • Regiões avermelhadas na pele
  • Cefaleia (dor de cabeça)
  • Batimentos do coração alterados
  • Complicações no fígado

Caso ocorra algum dos sintomas acima ou qualquer outro tipo de sintoma resultante do início do tratamento com Loratamed, procure auxílio de um médico ou farmacêutico.

Superdosagem

Se houver casos de ingestão de ingestão de uma grande quantidade de Loratamed procure auxílio médico imediatamente. Leve junto o medicamento e a bula do mesmo se possível para maiores esclarecimentos.

Armazenamento

Manter em temperatura normal (ambiente) longe da umidade e da luz.
Datas de fabricação e validade pode ser consultada na própria embalagem de Loratamed.
Se o medicamento estiver com data de validade vencida, não faça uso do medicamento.
Antes de fazer uso, observe suas características como cor odor e integridade da embalagem se esses estiverem estranhos não faça uso do medicamento. Procure um farmacêutico.
Como todo medicamento, deve ser mantido longe do alcance das crianças.

Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado. Loratamed é um medicamento. Leia a bula. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o Farmacêutico.

Gostou do Artigo? Compartilhe:

Este artigo foi útil? Compartilhe nas redes sociais e comente abaixo:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *