Montelair – Tratamento para os sintomas da asma e da rinite alérgica


Apresentação

Montelair é um medicamento industrializado indicado para o auxílio dos sintomas de asma e rinite. E é apresentado em forma de comprimido, com revestimento e também em forma de sachê, na sua apresentação de Montelair 4 mg. Porém, falaremos da apresentação de Montelair comprimido, que possui em sua caixa 30 comprimidos revestidos.

Aparência

Montelair – Comprimido com revestimento redondo, liso nas duas partes e com cor bege.Montelair 10mg

Uso oral
Uso adulto e pediátrico com idade maior que 15 anos

Laboratório Aché

O componente de Montelair 10 mg é Montelucaste de sódio 10 mg
Excipientes: celulose microcristalina, croscarmelose sódica, lactose monoidratado, estearato de magnésio, hiprolose, macrogol, álcool polivinílico, talco, dióxido de titânio, corante óxido de ferro vermelho e corante óxido de ferro amarelo.

Montelair – Para que serve?

Montelair serve para o tratamento de rinite alérgica, asma e sintomas de asma resultantes após esforço físico. Montelair serve para aliviar os sintomas na parte do dia como a noite, sintomas como:


  • Olhos vermelhos
  • Coceira no nariz
  • Espirros contínuos
  • Nariz entupido
  • Secreção nasal (coriza)
  • Nariz entupido ao anoitecer
  • Olhos lacrimejando
  • Olhos inchados

Montelair age causando certo tipo de bloqueio nos leucotrienos  que são substâncias que podem causar inchaço nas vias aéreas e pulmões. Assim os sintomas resultantes da asma e rinite são aliviados.
Se com o uso de Montelair os sintomas de a asma piorar informe seu médico.
Montelair não deve ser usado para crises fortes de asma.
Montelair não deve substituir outros medicamentos corticosteroides e inalatórios já usados. Informe ao seu médico todos os medicamentos que faz uso, para que Montelair possa fazer o efeito esperado.

Contraindicações

Pacientes que são sensíveis a algum componente do medicamento Montelair não devem fazer uso desse medicamento.
Pacientes em períodos de gravidez não devem fazer uso de Montelair sem orientação médica.
Pacientes em períodos de amamentação não devem fazer o uso de Montelair sem orientação médica.
No caso de pessoas idosas, estudos indicam que não houve reações diferentes que influenciaram a saúde do paciente ou a eficácia do produto, no entanto, é importante ter orientação de um profissional da saúde.
Não houve relatos de que com o uso de Montelair foi alterados a atenção ao dirigir ou trabalhar com máquinas.

Normalmente Montelair não altera ações de outros medicamentos, entretanto, pode ocorrer que outros medicamentos possam sim trazer alterações dos resultados esperados.

Reações adversas

Foram observadas algumas reações  com o medicamento Montelair, reações essas que podem ocorrer com frequência, ocorrer apenas no início do tratamento ou podem não ocorrer, lembrando que cada paciente tem o organismo diferente.
Vamos alistar algumas reações relatadas, que são:

  • Dor na região abdominal
  • Cefaleia (dor de cabeça)
  • Intestino desregulado
  • Coceira na pele
  • Impaciência
  • Número baixo de plaquetas
  • Humor alterado
  • Vertigem
  • Rosto inchado
  • Respiração dificultosa
  • Náusea
  • Vômito
  • Estado febril
  • Dor muscular

Foram destacadas algumas reações, em casos de aparecerem esses sintomas ou outros sendo resultantes do uso de Montelair, informes ao médico e siga as instruções.

Montelair – Como tomar?

Recomenda-se tomar 1 comprimido de Montelair ao dia, para o tratamento de asma ou rinite alérgica.
Pacientes com rinite alérgica devem sempre ter em fácil alcance os medicamentos para crises repentinas de rinite.
Uma observação aos pacientes com asma é que seria interessante tomar o medicamento ao anoitecer. O tratamento de Montelair para asma deve ser feito corretamente e deve ser tomado continuamente conforme prescrição médica, pois, apenas assim terá o resultado esperado para esse caso.

Não tome outra dose de Montelair em menos de 24 horas.

Se houver esquecimento de tomar alguma dose de Montelair, tome assim que o lembrar. Não duplique a dose. O indicado é 1 comprimido ao dia.

Superdosagem

Se houver casos de uma superdose de Montelair, procure o pronto socorro mais próximo. Alguns sintomas podem aparecer em caso de superdose desse medicamento que são:

  • Vontade de beber água em excesso
  • Dor na região abdominal
  • Excesso de sono
  • Dor na cabeça
  • Sinais de hiperatividade
  • Vômito

Para o caso de uma quantidade muito grande de Montelair além de levar ao pronto socorro o mais rápido possível, leve o medicamento junto com a bula para maiores explicações. Se for necessário mais orientações poderá ligar para 0800 722 6001.

Armazenamento

Mantenha o medicamento Montelair em temperatura ambiente longe da luz e umidade.
Datas de fabricação e validade pode ser consultada na própria embalagem do medicamento.
Não use Montelair se este estiver com a data de validade vencida.
Observe as características do Montelair antes de fazer uso. Se o mesmo estiver com aparência ou odor estranho, não faça uso do medicamento, procure o farmacêutico.

Informações adicionais

Asma

A Asma ocorre com certo tipo de inflamação profunda nas vias respiratórias, os brônquios do pulmão ficam mais sensíveis com esse problema e assim há sinais de irritação facilmente.

O principal sintoma da asma é o desconforto da falta de ar o que causa uma respiração dificultosa.

Classificação da Asma

1° Grau: os sintomas ocorrem até 2 vezes por semana ou 2 noites ao mês levando em consideração a estação como o inverno.

2° Grau: os sintomas ocorrem mais de 2 vezes na semana, uma vez por dia.

3° Grau: os sintomas ocorrem 1 vez ao dia e várias noites na semana.

4° Grau: os sintomas ocorrem mais de 1 vez ao dia por vários dias e com frequência no período da noite.

Procure o médico para verificar qual o melhor tratamento em cada caso.

Rinite Alérgica

A chamada Rinite alérgica  é como se fosse uma alergia ou uma reação do organismo há alguma coisa inalada que ele considera estranha e por isso reage, como que se esforçando para retirar aquela partícula estranha do organismo. A rinite alérgica pode ser genética também.

Várias substâncias são alergênicas (substâncias que o organismo estranha) como :

  • Poeira
  • Pelos de animais
  • Pólen
  • Alguns alimentos
  • E muitos outros. Essas substâncias variam de um paciente para o outro.

Os sintomas mais conhecidos da Rinite alérgica são: espirros constantes, inflamação nasal (coriza), sensibilidade a cheiros, olhos lacrimejando, nariz entupido entre outros.

Fale com um profissional da saúde para saber qual o melhor tratamento a escolher.

Se persistirem os sintomas o médico deverá ser consultado. Montelair é um medicamento. Seu uso pode trazer riscos. Procure o médico e o Farmacêutico. Leia a bula.

Gostou do Artigo? Compartilhe:

Este artigo foi útil? Compartilhe nas redes sociais e comente abaixo:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *